1 de setembro de 2016

Explora comigo os Açores | FESTIVAL MARÉ DE AGOSTO


Numa ilha de 97km e com pouco mais de 5000 habitantes, não passa pela cabeça pensar que acontece algo demais neste meio. E por essa e por muitas mais razões eu, mariense (nome dado às pessoas de Santa Maria) e açoriana de sangue puro, decidi que está na altura de divulgar mais da minha cultura.
Existe muitas coisas que nós temos cá na ilha ou mesmo nos Açores que muitas pessoas de Portugal continental desconhecem, como comidas típicas e tradicionais, festivais, acontecimentos e muitas outras coisas.
Então quero fazer disto uma nova rubrica chamada "Explora comigo os Açores" onde irei tentar ao máximo espalhar a minha cultura pelo mundo!


Como sabem eu fui acampar no Festival Maré de Agosto pela quarta vez e continuo a achar que o espírito de maré é algo único que não há em qualquer lado. Este festival foi criado após uma dita "noite mágica" ou um encontro de artistas Açorianos na ilha de Santa Maria em 1984. 

"As primeiras edições realizaram-se em vários palcos espalhados pela ilha. (...) A ideia cresceu e a partir de 1986 estipulou-se um local definitivo onde se pudessem reunir outras condições para a realização da festa. O festival ficou assim sedeado na Baia da Praia Formosa a escassos 20 metros do mar, cenário considerado por muitos de "mágico".




Neste mesmo ano surgiu também outra inovação. A vontade de aprender, trocar experiências e conviver falava mais alto, e foi assim, que se começou a trazer a Santa Maria grupos oriundos de outras paragens. Continente Português, Estados Unidos, África, Brasil etc.
- Informações retiradas daqui.

Após estas inovações ocorreu um forte crescimento que acabou por criar em 1987 uma associação, a A.C.M.A. - Associação Cultural Maré de Agosto - que tem um papel muito importante na parte de impulsionar a cultura como, por exemplo, trazer de todos os cantos do mundo artístas para atuar no festival.

"É sem dúvida, pouco vulgar um Festival de Música conseguir esta longevidade de edições anuais ininterruptas. Esse facto toma-se ainda mais raro quando esse Festival se realiza numa pequena ilha no meio do Atlântico Norte e assume maior relevância pelo generalizado reconhecimento da sua qualidade.

Um acontecimento lúdico e cultural que já levou a Santa Maria mais de 300 espetáculos, proporcionados por mais de 200 grupos diferentes e cerca de 1500 músicos. (...)"
- Informações retiradas daqui.




Num ponto pessoal em relação ao festival, eu decidi que quero ir acampar lá todos os anos e entrar no recinto por diversas razões.
Primeiro porque eu acredito naquilo que a ACMA tenta atingir, ou seja, o Festival Maré de Agosto é um festival que trás imensos artistas com os mais variados estilos musicais e isso faz com que as pessoas da ilha e todos aqueles que cá visitam vejam, apreciem e inspirem novos talentos e abram novos horizontes.
Segundo é pelo espírito de maré que é, na minha opinião, um dos melhores espíritos que um festival pode ter. Nós temos a Praia Formosa a menos de 100 metros das tendas e podemos viver a vida do "toda a noite a ouvir a música, dormir por duas/ três horas e depois ir para a praia o dia todo" e o melhor é que podemos estar com as melhores pessoas ao nosso lado.
Eu podia ficar aqui a dar muitas mais razões mas não quero alongar demasiado o post.
Deixo os links para os resumos em videos do dia um, dia dois e dia três da edição deste ano!

Fotografias da edição deste ano tiradas por Rui M Leal Photography.

A Maré de Agosto é o festival mais antigo em continuidade em Portugal e não há razões para não visitarem o festival pelo menos uma vez na vida! Acreditem que como este festival não há mais nenhum e o seu espírito vale muito mais do que qualquer outro!

Ficaram curiosos em relação ao festival? O que acharam da ideia para a nova rubrica?

7 comentários:

  1. Adorei a nova rubrica , adoro o ambiente dos festivais é sem dúvida magnifico, Beijinhos <3

    http://andreiaseraos.wixsite.com/blog

    ResponderEliminar
  2. Adorei o post, as fotografias, tudo! Tu tens mesmo jeito para a fotografia, continua assim :)
    Já sigo o teu blog :)
    Beijinhos!

    www.daysstyle.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Pessoalmente, os festivais de música não são para mim :P Mas adorava explorar os Açores! Uma das minhas tias chegou a viver nos Açores e adoraaaa...está sempre a dizer que quer "voltar pra ilha" ehehe. Beijinhos

    Blog ChocoPink / Instagram / Facebook

    ResponderEliminar
  4. Adorei a ideia desta rubrica, existe realmente muita coisa que as pessoas desconhecem sobre os Açores (incluindo eu). Mas já comi um ananás daí, de comer e chorar por mais :)
    E esse festival parece um máximo!

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  6. O festival parece brutal! Gostava mesmo muuito de ir aos Açores <3 E adorei a ideia destes posts, continua!
    beijinhos, The Fancy Cats | Giveaway

    ResponderEliminar
  7. Não me importava nada de poder visitar os Açores!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar